PDA

Ver Versão Completa : Heteractis malu



Páginas : [1] 2 3

Pedro Manuel Tavares
25-06-07, 21:50
http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/P1010166.JPG

http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/P1010172.JPG
Cor :branco perola com pontas lilases
Dieta :simbiose fotossintetica-carnivoro
Agressividade :(1-não agressivo a 5- muito agressivo) 3 a 5
Dificuldade :(1-facil a 5-para aquarifilos muito experientes) 3
Iluminação :(1-desnecessaria a 5-muito forte) 3 a 5
Corrente :(1-muito fraca a 5-muito forte) 3
Reef safe :Sim
Notas gerais :A anemona da foto tem 20 cm de diametro e embora seja uma anemona da areia foi colocada no meio das rochas e nunca se deslocou.

Roberto Pacheco
26-06-07, 01:36
Infelizmente esta expeliu as zooxanthellas. Isto e feito em muitos casos de proposito pois muitos gostem desta cor branca, sua cor natural e acastanhada.

Ricardo_Kaka
26-06-07, 12:51
Esta anemona da foto não seria uma White Sebae ?

SergioRomanat
26-06-07, 15:17
Nao Ricardo, e Heteractis malu.
Tambem tenho uma e estou satisfeito.
Abraço
Sergio

Pedro Manuel Tavares
26-06-07, 20:47
Heteractis malu

"Raramente importada, pequena em dimensões se comparada a outras anêmonas que abrigam palhaços. Associa-se apenas a Amphiprion clarkii, e habita desde o Hawaii até a Austrália, e ao norte até o Japão, passando por Indonésia e Filipinas. Possui tentáculos de cerca de 4 cm, com um anel de cor escura a meio caminho da ponta. Quase sempre é vista enterrada parcialmente na areia. Chega a 20 cm de diâmetro, e é de cor beije bem claro, quase branca. A coluna pode ter verrugas amarelas. Pode se enterrar completamente na areia quando ameaçada. Não é difícil de manter em aquários, e aceita bem alimentos dados pelo aquarista."

Este texto é um excerto de um topico,artigo sobre anemonas,posto por Bernardo Gordo neste forum.

Roberto Pacheco
26-06-07, 22:47
Anthony Calfo:


The notion of dying aquatic animals is hardly new even among cnidarians (stinging-celled animals). For many years, exporters have dyed anemones in a dreadful practice that unequivocally compounds shipping stress and rates of mortality in such animals. In the early years, the practice was applied in a myriad of colors before aquarists and dealers began to realize the dismal impact it had on the anemone’s survivability. Alas, the practice has not been entirely eliminated, as the occurrence of dyed sebae and carpet anemones is still observed, albeit limited in scope and color. Artificially dyed yellow sebae anemones are perhaps far and away the most common perpetration of the act. Like carpet anemones (Stichodactyla sp.), sebae anemones are naturally brown or green colored (other rare colors too, but NO yellow). And while uncommon color morphs may exist, they are rare and priced accordingly. More often, aquarists will find unusual colors in stressed, bleached or dyed animals. Stressed animals will appear to have a thin or watery visage as with yellow or lime colors in naturally green specimens and tan or crème colors in formerly brown pigmented animals. The most severely stressed anemones will appear to be white colored. Bright colored tips (often purple) will remain if they were natural originally, as they generally are not a zooxanthellate pigment or readily aborted under duress. The paling change of color in stressed cnidarians (coral and anemones) approaching white is the expulsion of life-giving symbiotic algae (zooxanthellae) under stress. Without zooxanthellae to provide food/carbon through photosynthesis with adequate light, a “bleached” animal is resigned to starve to death in weeks or months without extraordinary diligence from an aquarist with compensatory feeding of particulate and/or dissolved foods to the dyed victim. The coral or anemone will continue to execute normal polyp cycles, at least in the early weeks after the assault, and this will make direct supplemental feeding easier. A dyed coral or anemone will require the same due care and consideration as a pale stressed or bleached animal.

http://www.wetwebmedia.com/dyedcorals.htm

Pedro Manuel Tavares
28-06-07, 10:44
Nao Ricardo, e Heteractis malu.
Tambem tenho uma e estou satisfeito.
Abraço
Sergio
Boas Sergio, à quanto tempo a tens e de que cor.

Se mais alguem tiver heteractis malu,podia por aqui foto ou descrição para tirarmos duvidas.

Roberto Pacheco
28-06-07, 18:38
Eu nao tenho nenhuma duvida, a foto que colocaste e de uma que expeliu as zooxanthellas, e embora seja comum encontrar estas Anemonas na loja ja brancas esta nao e a cor natural delas.

Eu ja tive uma que era branca como a da foto que colocaste, felizmente a minha recuperou as zooxanthellas e prosperou no meu aqua antigo antes do desastre. Estas fotos sao antigas e de qualidade pobre, mas podes ver na primeira completamente recuperada e na segunda a ficar acastanhada.



http://www.reefforum.net/attachment.php?attachmentid=1196&stc=1&d=1132783832

SergioRomanat
28-06-07, 19:22
Ola Pedro!
Tenho a anemona a 4 mezes.

A cor e egual a fota que colocaste, nunca mudou de cor.Agora nao tenho maquina, mas depois coloco a foto da minha anenona. E linda. Com a luz azul e quase branca e as pontas azuis.

ABRAÇO

Pedro Manuel Tavares
28-06-07, 20:39
Citação: colocada por Roberto Pacheco.
Eu ja tive uma que era branca como a da foto que colocaste, felizmente a minha recuperou as zooxanthellas e prosperou no meu aqua antigo antes do desastre. Estas fotos sao antigas e de qualidade pobre, mas podes ver na primeira completamente recuperada e na segunda a ficar acastanhada.



Quanto tempo é que ela levou a recuperar as zooxanthellas?

Pedro Manuel Tavares
28-06-07, 20:58
http://www.reefforum.net/photopost/data/500/fotos_da_familia_350000.jpg
Esta e do Paulo Bravo em 5-6-2006 ,sera que ja mudou de cor?

Roberto Pacheco
28-06-07, 21:20
Quanto tempo é que ela levou a recuperar as zooxanthellas?

Para recuperar completamente levou por volta de 5/6 meses. A foto que mostra ela a comecar a ficar acastanhada tinha por volta de 3 meses eu penso.

Nuno Cruz
30-06-07, 14:40
Boas,

aqui está mais uma contribuição, mas é quase impossivel tirar foto sem um "penetra"

http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/Anemona21.JPG

Penso que já passa bem mais dos 20cm, e quando a mudei de aquario deu para ver que tem um peso considerável.

1abraço

Pedro Manuel Tavares
30-06-07, 15:52
Boas,

aqui está mais uma contribuição, mas é quase impossivel tirar foto sem um "penetra"

Penso que já passa bem mais dos 20cm, e quando a mudei de aquario deu para ver que tem um peso considerável.

1abraço



:ola) Nuno a tua sempre foi dessa cor ou tambem era mais clara?Os teus ocelaris foram logo para ela?Os meus nao lhe ligam nenhuma.

Nuno Cruz
30-06-07, 18:46
Pedro,
quando era mais pequena era um pouco mais clara, mas nunca nada parecido com branco.

O 1º Ocellaris a ser introduzido, ainda com ela a medir uns 8cm demorou cerca de dois dias a chegar perto.

O 2º assim que foi "autorizado" a ir para a anemona não pensou duas vezes.

Mas segundo vários artigos, estes Ocellaris não deviam fazer simbiose com a H. malu.

O curioso é que não é uma simbiose completa, pois os Ocellaris não alimentam a Anemona.

P.S. Tenta assustar os teus Ocellaris para ver se procuram abrigo na Anemona :sbSourirb

Paulo Marinheiro
01-07-07, 01:47
Nuno, embora não arrisque uma espécie, tenho algumas dúvidas que essa tua anémona seja uma H. Malu



Cumprimentos,


Paulo Marinheiro

Nuno Cruz
08-07-07, 10:58
Boas Paulo,

Sempre a tive como uma heteractis malu :coradoeol

Mas porque achas que não seja uma?

1abraço

Pedro Manuel Tavares
11-07-07, 21:57
:ola) Os meus ocellaris demoraram dois meses a ir par a anemona.
Quanto à cor não há alteração.
http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/P1010520.JPG
http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/P1010532.JPG
http://www.reefforum.net/photopost/data/500/medium/P1010522.JPG

Miguel Fernandes
12-07-07, 00:42
muito bem!!
estava ancioso por ver essas fotos tava a ver que demoravam!!
xelentes!!
tenho de passar ai para ver outra vez!!:coradoeol

Mauricio Foz
12-07-07, 14:31
Não me agrada a ideia de perseguir/assustar um palhaço para que "entre" em uma anemona. A simbiose é um processo não totalmente esclarecido que pode envolver adaptações físicas/biológicas. Obrigar um animal ainda não preparado para tal, pode causar no mínimo um desconforto, e para mim é crueldade.
Quanto a classificar a simbiose como não completa já que o palhaço não alimenta a anemona é duvidoso. Este ato ainda não esclarecido, só é observado em aquarios, jamais na natureza (Daphne G. Fautin).
Pelas fotos do Pedro, e somente pelas fotos, não parece ser um H. malu

Rinaldo Fontenele
12-07-07, 15:11
Boas, concordo com o Maurício em relação ao termo "simbiose", para mim, o correcto seria chamar este acto de "cooperativismo" pois na simbiose, um ser é totalmente dependente do outro e no cooperativismo um ser consegue viver tranquilamente sem o outro.

Nuno Cruz
12-07-07, 17:24
Mauricio,

quando disse assustar, não estava a falar em correr atrás do bicho com um pau até o gajo se enfiar na anémona a tremer os joelhos de tanto medo.

No meu caso reparei que após a sua introdução sempre que me aproximaxa do aqua mais bruscamente ou metia a mão lá dentro por qualquer razão (que não seja alimentação) ele fazia algumas investidas até à anémona mas acabava por se desviar, até que após alguns dias numa destas situações ele acabou por usa-la como refugio.

1abraço
Nuno

Cesar Pinto
12-07-07, 17:41
hááááá já tava a pensar que andavas a dar táu táu ao peixinho yb624 yb624 yb624 yb624 yb624

Pedro Manuel Tavares
12-07-07, 20:25
Não me agrada a ideia de perseguir/assustar um palhaço para que "entre" em uma anemona. A simbiose é um processo não totalmente esclarecido que pode envolver adaptações físicas/biológicas. Obrigar um animal ainda não preparado para tal, pode causar no mínimo um desconforto, e para mim é crueldade.
Quanto a classificar a simbiose como não completa já que o palhaço não alimenta a anemona é duvidoso. Este ato ainda não esclarecido, só é observado em aquarios, jamais na natureza (Daphne G. Fautin).
Pelas fotos do Pedro, e somente pelas fotos, não parece ser um H. malu
:ola) Mauricio,eu não assustei os ocellaris.Eles simplesmente numa noite passaram a ir para a anemona.Tambem reparei que eles nao a alimentam.
Que anemona é que pensas que seja?

Roberto Pacheco
12-07-07, 21:57
:ola) Mauricio,eu não assustei os ocellaris.Eles simplesmente numa noite passaram a ir para a anemona.Tambem reparei que eles nao a alimentam.
Que anemona é que pensas que seja?

E possivel que seja Heteractis Crispa que e muito similar a Malu.