Página 12 de 12 PrimeiroPrimeiro ... 289101112
Resultados 276 a 298 de 298

Tópico: Red Sea 2007

  1. #276
    Convidado de RF Avatar de Machado de Sousa
    Data de Ingresso
    13-10-04
    Localização
    Costa da Caparica
    Idade
    66
    Posts
    291

    Re: Red Sea 2007

    Mestre Miguel sempre atento... e a fotografar raridades . Agora foi uma Coriocella [I]sp[/I e qualquer dia ainda surpreende alguma espécie por identificar

    Machado de Sousa

  2. #277
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Miguel Marçal dos Santos
    Mais uma, a foto não ajuda mas não deve ser muito complicado, a identificação especial só para segunda.

    Viva

    Parece ser uma Holothuria (Lessonothuria) pardalis que se pode ver aqui

    http://www.dafni.com/echinodermata/Aspidochirota.htm

    http://www.dafni.com/echinodermata/D...is%20Large.jpg

    http://www.dafni.com/echinodermata/H...ge%20Levin.jpg

    aqui pode-se ler entre outros a sua distribuição
    http://www.marinespecies.org/aphia.p...ails&id=210893

    http://www.wetwebmedia.com/cukeidfaqs.htm

    Qual era o seu tamanho aproximado

    Por que profundidade evoluia

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  3. #278
    Membro Identificado Avatar de Miguel Marçal dos Santos
    Data de Ingresso
    28-08-06
    Localização
    Lisboa
    Idade
    19
    Posts
    429

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Pedro Nuno Ferreira
    Viva

    Parece ser uma Holothuria (Lessonothuria) pardalis que se pode ver aqui

    http://www.dafni.com/echinodermata/Aspidochirota.htm

    http://www.dafni.com/echinodermata/D...is%20Large.jpg

    http://www.dafni.com/echinodermata/H...ge%20Levin.jpg

    aqui pode-se ler entre outros a sua distribuição
    http://www.marinespecies.org/aphia.p...ails&id=210893

    http://www.wetwebmedia.com/cukeidfaqs.htm

    Qual era o seu tamanho aproximado

    Por que profundidade evoluia

    Atenciosamente
    Pedro Nuno
    Tinha um tamanho razoável cerca de 30cm de comprimento, foi fotografada no mesmo local da coriocella sp, também sobre a areia e durante o mesmo mergulho não deviam estar afastadas 15mt, devia estar entre os 5 e os 8mt.

    Vou ter que levar mais vezes a lanterna actinica, não sei se foi por ter que observar mais atentamente ou pelo local mas nesse mergulho encontrei a spanish dancer, coriocella sp e esta.

    Jorge se estás recordado fizeste o mesmo mergulho foi quando levaste a minha lanterna de 4 leds, foi do lado direito da entrada do recife onde o Pedro Laje encontrou e esteve a nadar com os golfinhos.
    Última edição por Miguel Marçal dos Santos; 23-09-07 às 21:21.
    miguel marçal dos santos

  4. #279
    Convidado de RF Avatar de Machado de Sousa
    Data de Ingresso
    13-10-04
    Localização
    Costa da Caparica
    Idade
    66
    Posts
    291

    Re: Red Sea 2007

    Miguel, lembro-me perfeitamente. Na altura até levantei bastantes detritos da areia com as barbatanas, mas não se nota na foto

    Machado de Sousa

  5. #280
    Membro Identificado Avatar de Miguel Marçal dos Santos
    Data de Ingresso
    28-08-06
    Localização
    Lisboa
    Idade
    19
    Posts
    429

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Machado de Sousa
    Miguel, lembro-me perfeitamente. Na altura até levantei bastantes detritos da areia com as barbatanas, mas não se nota na foto

    Machado de Sousa
    Então está explicado foi por isso que apareceu tanta vida, vieram comer a bicheza em suspensão
    miguel marçal dos santos

  6. #281
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Pedro Nuno Ferreira
    Viva
    Acabei de colocar a questão ao Forum das Lesmas do Mar (The Sea Slug Forum)

    Colocada por Pedro Nuno Ferreira

    Pedro Nuno Ferreira
    show details
    12:05 pm (3 minutes ago) For your records, this is a copy of the message you just sent to the Sea Slug Forum. If you didn't send this message please read the instructions below. Please use the 5 digit messageID number below if you wish to inquire about your message in the future.

    Good Morning

    My name is Pedro Nuno and I am a moderator of www.reefforum.net - Portugal
    Recently a friend of mine went on a Live Board trip to the Red Sea and photgraphed this slug, sea cucumber...???





    Could some one please help us to identify this animal? It slided across the substrate like a sea slug. From the look of it, I think it to be a free moving sea cucumber...What is it?

    http://www.reefforum.net/showthread....0735#post90735

    Kind Regards
    Pedro Nuno
    www.reefforum.net

    Locality: Red Sea, Red Sea, September 2007, bottom dweller. Photographer: Miguel Marçal dos Santos.


    ------------------------------
    No images were uploaded with this message

    Message sent to Sea Slug Forum at 21:05 on 22-Sep-2007 (Sydney time) from the web form http://www.seaslugforum.net/message.cfm?id=new by a user with the IP address 78.130.14.209 who used blue.regal.tang@gmail.com as their email address. If you did not send it please let billr@seaslugforum.net know.

    MessageID = 20785

    You can read the Australian Museum Privacy statement at http://www.amonline.net.au/about/privacy.htm


    Além de perguntarem no formulário virtual de mensagens a localidade, quem foi o fotografo, etc... que pude responder, perguntavam o tamanho que eu devia ter perguntado antes e agora sei ser 6cm e perguntavam por que profundidade foi observado, que também eu deveria ter perguntado como pergunto em muitos outros casos mas não perguntei. Perguntavam ainda qual o local do mergulho
    Eu devia ter perguntado isto e assim pergunto agora

    Tamanho = 6cm

    Profundidade =

    Local do Mergulho (nome do recife, ilha, ou coisa parecida) =

    mais dados relevantes que possam vir a ser úteis caso perguntem ou para pesquisar....

    Poderá vir a ser necessário para completar a informação. Vamos lá ver se nos respondem. Entretanto vou continuar a procurar.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno
    Viva

    Chegou a resposta do Fórum das Lesmas do Mar - Sea Slug Forum - que corrobora o que entretanto o Nuno Silva identificou e assim é mais um dado a reforçar a excelente identificação por ele feita.

    Citação Postado originalmente por Sea Slug Forum - Dr Bill Rudman
    Dear Pedro Nuno,
    There is a large backlog of messages on the Forum waiting to be answered so the animal is not a sea slug here is a quick answer.

    Its is a snail with a hidden shell - Family Velutiidae [see http://www.seaslugforum.net/factsheet.cfm?base=lamellar]

    The most likely genus for the speices is Chelynotus or Coriocella [see http://www.seaslugforum.net/display.cfm?id=3521]

    This family still need a lot of work done on them.

    Best wishes
    Bill
    Citação Postado originalmente por Sea Slug Forum - Dr Bill Rudman

    =========
    Dr Bill Rudman
    The Australian Museum
    6 College St,
    Sydney, NSW 2010
    Australia

    Visit the Sea Slug Forum at www.seaslugforum.net
    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  7. #282
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007











    Viva

    De nome ciêntifico Hexabranchus sanguineus, nome comum dançarina espanhola (=spanish dancer), um nudibrânqueo grande que se alimenta de...esponjas...... ,ver Marine Invertebrates - Ronald L. Shimek - pág. 345 - ISBN 1-890087-66-1, que nos diz também ser um animal difícil justamente devido a ser complicado lhe fornecer alimento em quantidade suficiente. Se de facto for só devido a falta de esponja, actualmente isso é fácil de resolver desde que o animal aceite a da nossa costa. Provavelmente não será só o factor alimentar e além disso presume-se que seja um animal tóxico, uma condição que se pensa estar ligada à sua intensa coloração que assim constitui um aviso.......tipo (olá, eu sou venenosa/so...)

    Nestas imagens acima, vemos a evolução de uma ou duas, não sei se são da mesma e do mesmo mergulho, e até se vê uma mão que lhe toca, foste tu Júlio?, deve ter consistência macia/aveludada e viscosa...



    O substrato onde o bicho evolui parece ser arenoso de coral nuns sítios e rochoso de coral noutros, mas não me parece ver esponja e no entanto o animal parece estar à procura de algo... que seria...esponja

    Viram alguma coisa que vos parecesse estar o animal a alimentar-se de esponja

    Por que profundidades evoluia

    E os sítios onde resolvia nadar eram de correntes fracas

    O Pterois estava ali porque vos seguiu e calhou de ir a passar a lesma ou o Pterois demonstrou algum interesse na actividade da lesma, alguma interacção

    De acordo com a explicação do Ronald L. Shimek, este nudibrânqueo atinge 60 cm de tamanho e pelas imagens dá para perceber que é grande mas não parece ter os tais 60 cm. Era mesmo muito grande, viram outras tão grandes ou maiores

    É um "encontro" frequente

    É de facto um animal muito bonito e quando nada na coluna de água é um "bailado" elegante e suave.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  8. #283
    Administrator Avatar de Julio Macieira
    Data de Ingresso
    08-09-04
    Localização
    Coimbra
    Idade
    54
    Posts
    6.839

    Re: Red Sea 2007

    Olá Pedro

    Foi o unico Hexabranchus sanguineus que vi. (não sei se o Miguel encontrou outro) esta lesma é lindíssima. Pena foi estar muita suspensão na altura em que o encontrei com o Miguel.

    Diria que andávamos por volta dos 15mt de profundidade. Aliás, exceptuando mergulhos a naufrágios e um feito num paredão com mais de 1500mt de profundidade, todos eles foram na base dos 15 a 20mt.

    Tenho uma vaga recordação que se encontrava em rocha. Nós é que trouxemos para uma zona de areia mais limpa para o podermos fotografar.

    Zona de correntes fracas.

    Quanto ao Petrois.

    Estes sacanas, são sempre o mesmo.

    Durante a noite se encontram uma luz (imprescindível ao mergulhador para mergulhos nocturnos) não nos largam mais, vá a gente para onde for. Quando por vezes pensamos te-lo despistado, mal damos conta e aí esta ele de novo. Chegam a ser chatos. Mesmo "batendo-lhe" com as lanternas, volta não volta lá esta ele de novo ao nosso lado.
    Um abraço

    Julio Macieira



    Visita o Meu Aquário ***RED SEA 2007***


  9. #284
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Miguel Marçal dos Santos
    Seria bom que um dia não existissem estes artefactos abaixo e acima da superfície e nós ainda cá estivéssemos.

    Esta peça de artilharia antiaérea de 102mm (se não me engano) pelo menos já não dispara mais! poderia porém ter ainda na sua culatra e/ou imediações munições que mesmo debaixo de água e muito anos depois, poderiam........mas não será assim.

    Para quem quiser saber mais sobre o Thistlegorm era um navio civil convertido em navio de guerra para transporte de mantimentos. Em 1941 levava esses mantimentos para a operação Crusader (http://en.wikipedia.org/wiki/Operation_Crusader) que foi a maior e mais longa de três operações para libertar Tobruk (http://en.wikipedia.org/wiki/Siege_of_Tobruk) na posse do Africa Corps (http://en.wikipedia.org/wiki/Afrika_Korps) comandado pelo celebre Erwin Rommel (http://en.wikipedia.org/wiki/Erwin_Rommel, também conhecido por "Raposa do Deserto". O Thistlegorm foi afundado pela Luftwaffe (http://en.wikipedia.org/wiki/Luftwaffe - força aérea Alemã) em 1941 com uma bomba que atingiu o paiol das munições.....
    aqui podem ver mais e ler a historia

    http://en.wikipedia.org/wiki/SS_Thistlegorm

    Site oficial do SS Thisthlegorm
    http://www.ssthistlegorm.com/

    http://www.oceanproject.net/Thistlegorm.htm

    http://images.google.com/images?hl=p...-8&sa=N&tab=wi

    http://images.google.com/images?q=th...8&sa=N&ndsp=18

    http://www.smugmug.com/community/Und...58289#27558289

    http://www.lumination-red-sea.com/divesites.htm

    http://www.lumination-red-sea.com/im...histlegorm.jpg

    http://www.divesitedirectory.co.uk/d...istlegorm.html

    Miguel, pelo que pude ler, trata-se de um local de correntes fortes muito frequentado por mergulhadores, talvez o mais famoso local de naufrágio do mundo, ou dos mais famosos, muito movimentado, um forte contraste com a tragédia que é a guerra e os testemunhos de horror que deixa para trás e que deveriam afastar e não atrair, mas pelo menos ao atrair impede que se esqueça e ajuda a pensar/ponderar para que não se volte a repetir e também nos ajuda a perceber que se calhar até nem estamos assim tão mal por comparação com o que aquela gente, gentes, povos, geração teve de suportar para que hoje as coisas sejam melhores do que foi naquela época.
    É impressionante também ver algo que foi instrumento de morte e agora está convertido em "santuário" de abrigo e protecção de vida imensa, vida marinha.

    Tiraram mais fotografias

    Atenciosamente
    Pedro Nuno
    Última edição por Pedro Nuno Ferreira; 26-09-07 às 03:51. Razão: Corrigir um elo


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  10. #285
    Membro Identificado Avatar de Miguel Marçal dos Santos
    Data de Ingresso
    28-08-06
    Localização
    Lisboa
    Idade
    19
    Posts
    429

    Re: Red Sea 2007

    Tenho mais amanhã tento digitalizar todas as fotos do Thistlegorm, e quem sabe se conseguir prepare uma surpresa para o forum...
    miguel marçal dos santos

  11. #286
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Talking Re: Red Sea 2007



    Viva
    Nesta fotografia tirada pelo Miguel Marçal dos Santos, vemos inúmeros objectos que ajudaram a civilização a evoluir nomeadamente no campo da salubridade e higiene e saude, uma coisa que é bom que se lembrem sempre que olharem para o fecho hidráulico (fecho de água existente na parte anterior do sifão da sanita) que fez destas objectos a maravilha que são...

    Agora e perante as imagens quem é que os abandonou/espalhou assim pelo fundo

    Ó Júlio estas peças não são da "fabriqueta"!!!
    Tu não conseguiste vender este lote de peças Vintage Art Deco e afundas-te-as aqui para não pagares imposto de recolha e deposição de resíduos

    Eram peças de terceira que tentaste vender lá no Mar Vermelho e os tipos danados afundaram-nas (com razão, diga-se de passagem)

    Olha que o caco cozido serve para moer e pode ser usado de novo ou aplicado por exemplo nas construção de estradas. Vamos lá reciclar é preciso.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  12. #287
    Convidado de RF
    Data de Ingresso
    20-10-04
    Localização
    Lisboa/Faro
    Idade
    50
    Posts
    2.553

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Pedro Nuno Ferreira


    Agora e perante as imagens quem é que os abandonou/espalhou assim pelo fundo
    Pedro,

    Isto era a carga do navio Yolanda que naufragou em Ras Mohammed, perto de Sharm el Sheik
    Abraços
    João M Monteiro



  13. #288
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por João M Monteiro
    Pedro,

    Isto era a carga do navio Yolanda que naufragou em Ras Mohammed, perto de Sharm el Sheik
    Viva João
    Efectivamente assim é e foi e pelo que pude ler foi em 1 de Abril de 1981 altura em que estava no local errado à hora errada mas só cinco anos depois se espalhou esta carga na sequência de nova tempestade violenta que desalojou o barco do sitio onde estava naufragado e o partiu espalhando-se a carga que era constituida por sanitas, lavatórios....e um BMW 320 que dizem ainda estar com bom aspecto/condição (imagino ). O Cargueiro Yolanda de pavilhão Cipriota, durante a sua vida da marinha mercante, passou despercebido tornando-se famoso depois de encalhar e deu nome ao local, o recife de Yolanda, a praia de Yolanda, a baía de Yolanda. Como a desgraça se pode tornar em graça e vida novamente.

    pode-se ler mais aqui
    http://www.rasmohamed.com/rasita4b1.html

    http://www.rasmohamed.com/rasita4b.html

    Têm mais fotografias...talvez até com o BMW 320 cheio de Dendronephtyias e Anthias sp. a nadarem tranquilamente lá dentro (fica pelo menos original, tipo marine tuning)....

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  14. #289
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007


    Viva

    Esta magnifica "jóia" do recife parece ser uma Acropora granulosa... será(pelo menos pela área de distribuição que ainda chega ao Mar Vermelho ou quase e o fenótipo (=aspecto exterior). A A. Lokani e a A. Caroliniana não chega ao Mar Vermelho...pelo menos não chegava.)

    Acropora granulosa
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...20pages/33.htm

    http://www.reef-guardian.com/fiches-coraux-pic-50.html

    Acropora caroliniana
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...20pages/15.htm

    Acropora lokani
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...0pages/621.htm

    Foi fotografada muito próximo da superfície

    Encontraram muitas assim

    Parece não ser uma colónia muito grande....

    É muito bonita e tem uma cor intensa bem distribuida por toda a colónia. Magnifica. A natureza é fantástica.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  15. #290
    Membro Identificado Avatar de Miguel Marçal dos Santos
    Data de Ingresso
    28-08-06
    Localização
    Lisboa
    Idade
    19
    Posts
    429

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Pedro Nuno Ferreira

    Viva

    Esta magnifica "jóia" do recife parece ser uma Acropora granulosa... será(pelo menos pela área de distribuição que ainda chega ao Mar Vermelho ou quase e o fenótipo (=aspecto exterior). A A. Lokani e a A. Caroliniana não chega ao Mar Vermelho...pelo menos não chegava.)

    Acropora granulosa
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...20pages/33.htm

    http://www.reef-guardian.com/fiches-coraux-pic-50.html

    Acropora caroliniana
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...20pages/15.htm

    Acropora lokani
    http://www2.aims.gov.au/coralsearch/...0pages/621.htm

    Foi fotografada muito próximo da superfície

    Encontraram muitas assim

    Parece não ser uma colónia muito grande....

    É muito bonita e tem uma cor intensa bem distribuida por toda a colónia. Magnifica. A natureza é fantástica.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno
    Fotografada a 4mt mas também as encontrei a 30mt. Era uma peça única isolada, destas nunca encontrei colónias ou peças grandes, não devia ter mais de 15cm, também tenho uma foto de uma azul, igualmente a pouca profundidade a 30mt eram castanhas como deves calcular.
    miguel marçal dos santos

  16. #291
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Citação Postado originalmente por Julio Macieira
    Outra oportunidade de sorte
















    Viva Júlio
    Esta "marabunta" marinha de Plotosus lineatus (=Peixes gato marinhos venenosos http://en.wikipedia.org/wiki/Plotosus ) surgiu assim do nada ou já lá andava ali a nadar ás voltas

    Ter-se-à formado, tanto quanto sei da espécie, como acção de defesa que esta espécie adopta desta forma, em resposta à visão da tua pessoa a nadar ali por perto

    A algum momento envolveram-te ou mantiveram-se sempre afastados, inclusive abrindo alas à tua aproximação

    Pelo que escreves será/terá sido uma ocorrência rara/momento raro, ou pouco frequente de visionar, é assim ou viste mais

    A propósito de animais venenosos, é feita alguma recomendação/formação aos visitantes mergulhadores para que saibam no que não mexer/tocar/aproximar, isto porque muitos dos visitantes não têm os nossos conhecimentos sobre a biologia/comportamento destes animais marinhos.

    A titulo de exemplo o magnifico polvo Hapalochlaena sp. (=Blue ring octopus - Polvo de anéis azuis - http://en.wikipedia.org/wiki/Blue-ringed_octopus) é pequeno, todo expandido pouco maior que uma mão se tanto, e tem tanto de bonito como de mortal (não se conhece antídoto * sendo capaz de perfurar com a sua lanterna de Aristóteles (bico) um fato com 3mm, já agora fica de aviso a quem pretender comprar deste polvos que aparecem nas listas de importação e não são caros, mas podem custar muito, muito caro....

    Citação Postado originalmente por Wikipedia
    *Venom

    The blue-ringed octopus is the size of a golf ball, but its venom is powerful enough to kill humans. There is no known antidote.
    The octopus produces venom that contains tetrodotoxin, 5-hydroxytryptamine, hyaluronidase, tyramine, histamine, tryptamine, octopamine, taurine, acetylcholine, and dopamine. The major neurotoxin component of blue-ringed octopus venom was originally known as maculotoxin, but was later found to be identical to tetrodotoxin,[1] a neurotoxin which is also found in pufferfish and cone snails. Tetrodotoxin blocks sodium channels, causing motor paralysis and sometimes respiratory arrest leading to cardiac arrest due to a lack of oxygen. The toxin is created by bacteria in the salivary glands of the octopus[2].
    First aid treatment is pressure on the wound and rescue breathing. It is essential, if rescue breathing is required, that it be continued until the victim begins to breathe, which may be some hours. Hospital treatment involves respiratory assistance until the toxin is washed out of the body. The symptoms vary in severity, with children being the most at risk because of their small body size. The victim might be saved if artificial respiration starts before marked cyanosis and hypotension develop. Victims who live through the first 24 hours generally go on to make a complete recovery.[3]
    It is essential that immediate and full time respiratory support be given (eg: artificial respiration/rescue breathing) even if the victim appears not to be responding. Tetrodotoxin poisoning can result in the victim being fully aware of his/her surrounds but unable to breathe. Because of the paralysis that occurs they have no way of signalling for help or any way of indicating distress. Respiratory support, together with reassurance, until medical assistance arrives ensures that the victim will generally recover well.
    The blue-ringed octopus is currently one of the most toxic known sea creatures, next to the box jellyfish (formerly misnamed "sea wasp"). Despite its small size, it carries enough poison to kill 26 adult humans within minutes[4].


    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  17. #292
    Administrator Avatar de Julio Macieira
    Data de Ingresso
    08-09-04
    Localização
    Coimbra
    Idade
    54
    Posts
    6.839

    Re: Red Sea 2007

    Olá Pedro Nuno

    Começo por dizer que é bom termos pelo menos um membro interessado e que o demonstra no sentido de querer saber mais.

    Infelizmente parece-me que a maioria dos membros se contenta por ver umas fotos e de aplaudir a maior ou menor qualidade do fotografo.

    Pena.

    Passando as tuas questões.

    Esta "marabunta" marinha de Plotosus lineatus (=Peixes gato marinhos venenosos http://en.wikipedia.org/wiki/Plotosus ) surgiu assim do nada ou já lá andava ali a nadar ás voltas
    Tive a felicidade "de dar de caras" com 2 destes cardumes de Plotosus lineatus, por pura sorte. É lindíssimo observar este cardume a esgravatar permanentemente em formato de bola. Não me pareceu que existisse um "lider", pareceu-me mais instintivo a reacção do cardume em busca de comida.

    Ter-se-à formado, tanto quanto sei da espécie, como acção de defesa que esta espécie adopta desta forma, em resposta à visão da tua pessoa a nadar ali por perto
    Quando observei, já se encontravam em cardume, é possível que seja uma postura normal, já que eram peixes muito pequenos e que com facilidade poderiam ser predados caso andassem dispersos.

    A algum momento envolveram-te ou mantiveram-se sempre afastados, inclusive abrindo alas à tua aproximação
    Como é possível observar no vídeo que consegui, mesmo bastante próximo do cardume, nunca observei que a concentração de peixes de desfizesse. Bastante assustadiços, imediatamente se reagrupam, assim que que o mais assustadiço se "dispara" noutro sentido, reorientando quase de imediato todo o sentido do cardume.

    A propósito de animais venenosos, é feita alguma recomendação/formação aos visitantes mergulhadores para que saibam no que não mexer/tocar/aproximar, isto porque muitos dos visitantes não têm os nossos conhecimentos sobre a biologia/comportamento destes animais marinhos.
    Neste caso concreto, não.
    São muitas as espécies com que nos deparamos, e muitas das vezes imprevisível de se adivinhar o que se poderá ir encontrar.

    Normalmente todo o mergulhador sabe, que nada é para mexer, nada é para tocar. Claro que nem sempre isso é respeitado. Umas vezes propositadamente, outras sem querer.
    Confesso que não sabia se eram ou não venenosos.
    Um abraço

    Julio Macieira



    Visita o Meu Aquário ***RED SEA 2007***


  18. #293
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Muito Obrigado a vós todos, mergulhadoras/res do Reefforum que participaram nesta aventura ao Mar Vermelho - Red Sea 2007, que partilham o tesouro magnifico que de lá trouxeram, qual divisão do "saque" em porto seguro depois da batalha em mar alto...", obrigado por terem tido a paciência de me aturar e responder ás minhas perguntas que gostaria de poder continuar a colocar porque o "tesouro" de informação, de beleza, de fantástico que trouxeram do Mar Vermelho, ainda tem muito para desvendar/ensinar, qual pedra preciosa em bruto muito bela à espera de ser trabalhada para revelar todo o seu esplendor, todos os seus segredos.

    Além de querer aprender, porque eu também tenho que aprender e não sei tudo e é bom que toda a gente se convença disso, considero que uma das minhas missões como moderador é saber procurar a informação e saber informar, e partilhar a informação, por isso se sei explico, se não sei pergunto, procuro e partilho.

    Acresce ainda que eu vou necessitar destas informações e de muitas outras que aqui não estão seja porque não é o local, seja porque vão além dos 40 metros, seja..."porque me vou meter em trabalhos...mais uns... a seu tempo"... que agora não interessa para aqui a não ser que necessito dessas informações.

    Digo mais, necessitamos dessas informações para conhecer e evoluir ou não andaríamos aqui no fórum e assim obrigado por no-las facultarem além do que ao fazê-lo quer o penseis assim ou não, anulastes o "acto egoísta" que poderia ser o mergulhar.

    Falando dos Plotosus lineatus, há muitos anos quando comecei (no século passado) este peixe fascinava porque era um peixe gato marinho, tinha uns "bigodes" (Barbilhos sensoriais) que se destacavam e era bonito com aquelas riscas, mas estudando a espécie lia-mos que era venenosa e predadora vindo a crescer muito, o que fez com que eu pessoalmente nunca a tenha tido.
    Para ajudar a que compreendam melhor a espécie em causa vou recorrer ao Scott W. Michael que no seu livro Marine Fishes - ISBN 1-890087-38-6 - TFH - página 45, diz o seguinte:

    Tradução por Pedro Nuno Ferreira
    Citação Postado originalmente por Scott W. Michael
    Plotosus lineatus (Thünbergm 1787)
    Striped Eel Catfish (NT=Peixe Gato Enguia de Listas)

    Tamanho máximo: 32 cm
    Distribuição Geográfica: Indo-Pacifico
    Cubicagem mínima de aquário: 0,284 m3 = 284 Litros (75 galões Americanos)
    Comidas & Alimentação: Dieta variada incluindo comidas marinhas frescas e congeladas, preparações congeladas e comidas em flocos. Alimentar 2 vezes por dia.
    Índice de adequabilidade para aquário: 5; muito resistente; V (Venomous=Venoso)
    Compatibilidade com aquário de recife: Os Juvenis são inócuos; ao crescerem comerão camarões ornamentais e peixes.
    Cuidados em meio doméstico: Estes eficientes detritívoros fossam na areia e pela decoração para obterem qualquer comida. Os Juvenis formam um cardume igualitário (NT= significa que não tem comandante) - todos os indivíduos têm a mesma "patente" e apresentam pouca ou nenhuma agressão. Ficam melhor quando mantidos em grupos e pode esconder-se constantemente e parar de se alimentar se mantido sozinho. Ocasionalmente podem sucumbir a infecções parasitárias; tenham cuidado quando tratarem com medicações à base de cobre ou organofosfatos. Pode ser tratado com mergulhos em água doce. Um inconveniente: os juvenis tão giros gradualmente transformam-se em peixes grandes menos atractivos e reservados/dissimulados com grandes apetites que ameaçam os companheiros pequenos do aquário, reclamam para si um espaço considerável e colocam uma carga biológica significativa.
    relativamente ao aspecto venenoso podem ler aqui no fórum Canadiano aquariumpros.ca

    http://www.aquariumpros.ca/forums/sh...ad.php?t=14383

    Citação Postado originalmente por aquariumpros.ca
    Danger!!

    Handling these fish is extremely dangerous. Their sting is excruciatingly painful and potentially lethal. Aquarists have been envenomated even using nets. If you are stung, place the wound in water as hot as you can stand—heat breaks down the proteinaceous venom—and seek medical help.

    Handle and maintain these animals only with extreme caution.

    Difficulty: Hardy, but it must be kept in schools, and it does get a foot long. Its fin spines are highly venomous, and human envenomation has on occasion proved fatal.



    Citação Postado originalmente por Tradução Por Pedro Nuno Ferreira
    Perigo!!
    Manusear estes peixes é extremamente perigoso. A sua picada produz uma dor excruciante dolorosa e potencialmente letal. Houve já aquaristas envenenados mesmo usando redes. Se for picado, coloque a ferida em água tão quente quanto consiga aguentar-o calor destrói o veneno proteico- e procuram ajuda médica.

    Manuseiem e mantenham este animais apenas com extremo cuidado.

    Dificuldade: Resistente mas tem de sr mantido em cardumes e atinge uns bons 30 cem de comprimento. As suas espinhas das barbatanas são altamente venenosas e o envenenamento humano já aconteceu ser fatal.
    Como poderão ler aqui o primeiro raio serrilhado da barbatana dorsal e os raios duros das barbatanas peitorais, são venenosos e mesmo fatais!
    http://www.hk-fish.net/eng/database/...ld=SpeciesName

    http://cookislands.bishopmuseum.org/species.asp?id=8679

    http://venomlist.com/forums/index.ph...hreaded&start=

    outra espécie Plotosus canius
    http://fishbase.mnhn.fr/Summary/Spec...ang=Portuguese

    Se por acaso virem destes na loja ou tenham algum, tenham cuidado, não façam deste passatempo um pesadelo e fiquem bem. Sei que prometi ao Júlio um trabalho sobre espécies venosas letais e não só a evitar e não está esquecido, a seu tempo. Espero ter ajudado a desvendar mais um pouco do tesouro do Mar Vermelho que nos trouxeram.

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  19. #294
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Viva de novo
    Muito embora o polvo de aneis azuis não ocorra no Mar Vermelho, "ocorre" frequentemente nas listas de importação e assim para que por desconhecimento ou barreira linguística, alguém fique sem acesso a tão vital informação, volto a colocá-la mas com tradução para que todos entendam bem...

    Citação Postado originalmente por Tradução por Pedro Nuno Ferreira
    Colocada por Wikipedia
    *Veneno

    O polvo de anéis azuis tem o tamanho de uma bola de golfe, mas o seu veneno é suficientemente potente para matar humanos. Não há antídoto.
    O polvo produz veneno que contem tetrodoxina, 5-hydroxytryptamina, hyaluronidase, tyramina, histamina, tryptamina, octopamina, taurina, acetylcolina e dopamina. O componente principal do veneno do polvo de anéis azuis foi originalmente conhecido como maculotoxina mas foi mas tarde verificado ser idêntico à tetrodoxina[1]a neuro toxina que também é encontrada nos peixes balão e búzios cone. A tetrodoxina bloqueia os canais de sódio causando paralisia motora e por vezes paragem respiratória levando á paragem cardíaca devido à falta de oxigénio. A toxina é criada por bactérias nas glândulas salivares do polvo [2].
    O tratamento de primeiros socorros consiste em pressionar sobre a ferida e respiração de salvamento. É essencial se respiração de salvamento for necessária, que seja continuada até que a vitima comece a respirar, o que pode ser algumas horas. O tratamento hospitalar envolve assistência respiratória até que a toxina seja descartada do corpo. Os sintomas variam em severidade, sendo as crianças as que estão em maior risco devido à pequena estatura do seu corpo. A vítima pode ser salva se a respiração artificial iniciar antes que cianose e hipotensão acentuadas se desenvolvam. As vitimas que sobrevivam as primeiras 24 horas geralmente continuam até uma recuperação completa. [3]
    É essencial que suporte respiratório e a tempo inteiro seja dado (por ex: respiração artificial/respiração de salvamento) mesmo se a vítima parece não responder.
    O envenenamento por tetradoxina pode resultar em a vítima estar plenamente consciente do que a rodeia mas incapaz de respirar. Devido à paralisia que ocorre não têm maneira de dar sinal de socorro ou qualquer outro sinal de aflição/perigo. O apoio respiratório juntamente com encorajamentos (NT = tipo: Coragem estamos a conseguir, vais conseguir, aguenta que vais ficar bem, vamos conseguir etc…) até que a ajuda médica chegue, assegura que a vitima geralmente recuperará bem.
    O polvo de anéis azuis é presentemente uma das criaturas marinhas conhecidas mais tóxicas, a seguir à medusa (anteriormente erradamente apelidada de “vespa do mar”). Apesar do seu pequeno tamanho, transporta consigo veneno suficiente para matar 26 humanos adultos em minutos[4]



    Citação Postado originalmente por Pedro Nuno Ferreira

    A titulo de exemplo o magnifico polvo Hapalochlaena sp. (=Blue ring octopus - Polvo de anéis azuis - http://en.wikipedia.org/wiki/Blue-ringed_octopus) é pequeno, todo expandido pouco maior que uma mão se tanto, e tem tanto de bonito como de mortal (não se conhece antídoto * sendo capaz de perfurar com a sua lanterna de Aristóteles (bico) um fato com 3mm, já agora fica de aviso a quem pretender comprar deste polvos que aparecem nas listas de importação e não são caros, mas podem custar muito, muito caro....
    Citação Postado originalmente por [B
    Wikipedia][/B]
    *Venom

    The blue-ringed octopus is the size of a golf ball, but its venom is powerful enough to kill humans. There is no known antidote.
    The octopus produces venom that contains tetrodotoxin, 5-hydroxytryptamine, hyaluronidase, tyramine, histamine, tryptamine, octopamine, taurine, acetylcholine, and dopamine. The major neurotoxin component of blue-ringed octopus venom was originally known as maculotoxin, but was later found to be identical to tetrodotoxin,[1] a neurotoxin which is also found in pufferfish and cone snails. Tetrodotoxin blocks sodium channels, causing motor paralysis and sometimes respiratory arrest leading to cardiac arrest due to a lack of oxygen. The toxin is created by bacteria in the salivary glands of the octopus[2].
    First aid treatment is pressure on the wound and rescue breathing. It is essential, if rescue breathing is required, that it be continued until the victim begins to breathe, which may be some hours. Hospital treatment involves respiratory assistance until the toxin is washed out of the body. The symptoms vary in severity, with children being the most at risk because of their small body size. The victim might be saved if artificial respiration starts before marked cyanosis and hypotension develop. Victims who live through the first 24 hours generally go on to make a complete recovery.[3]
    It is essential that immediate and full time respiratory support be given (eg: artificial respiration/rescue breathing) even if the victim appears not to be responding. Tetrodotoxin poisoning can result in the victim being fully aware of his/her surrounds but unable to breathe. Because of the paralysis that occurs they have no way of signalling for help or any way of indicating distress. Respiratory support, together with reassurance, until medical assistance arrives ensures that the victim will generally recover well.
    The blue-ringed octopus is currently one of the most toxic known sea creatures, next to the box jellyfish (formerly misnamed "sea wasp"). Despite its small size, it carries enough poison to kill 26 adult humans within minutes[4].



    Como disse, o polvo em causa aparece nas listas regularmente e é acessível, menos de 70 ou 80 euros preço público se não me engano, porém tenham cuidado porque, lembrem-se, podem não ter alguém ao vosso lado conhecedor e com sangue frio suficiente para vos manter vivos até que consigam voltar a fazê-lo por vós próprios. Fiquem Bem

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

  20. #295
    Administrator Avatar de Julio Macieira
    Data de Ingresso
    08-09-04
    Localização
    Coimbra
    Idade
    54
    Posts
    6.839

    Re: Red Sea 2007

    Na preparação de mais um plano de mergulho
















    Por acaso até eramos poucos



    Um abraço

    Julio Macieira



    Visita o Meu Aquário ***RED SEA 2007***


  21. #296
    Membro Identificado Avatar de Nuno Vaz da Silva
    Data de Ingresso
    30-07-07
    Localização
    Setubal
    Idade
    30
    Posts
    774

    Re: Red Sea 2007

    bem o que eu nao dava para viver num barquito desses e mergulhar nessas aguas...talvez um dia

  22. #297
    Membro Senior Avatar de Carlos Gião
    Data de Ingresso
    07-03-06
    Localização
    Portimão
    Idade
    58
    Posts
    227

    Re: Red Sea 2007

    Pelas fotos...não foi nos primeiros mergulhos...a cara do pessoal já denotava algum cansaço...
    Cumprimentos
    Carlos Gião

    Tudo tem o valor que lhe concedemos!

  23. #298
    RF Moderador Avatar de Pedro Nuno Ferreira
    Data de Ingresso
    08-06-06
    Localização
    Vila Nova de Gaia & Aveiro
    Idade
    56
    Posts
    4.228

    Re: Red Sea 2007

    Viva
    Estive mais uma vez a ver o "tesouro" do Mar Vermelho e encontrei mais umas "jóias" de que seleccionei esta que identifiquei como sendo o Tripneustes gratilla de que nos falam o Svein A. Fossa e o Alf Jacob Nilssen no 4º volume do The Modern Coral Reef Aquarium - ISBN 3-928819-22-4 - páginas 353, 354 e 355, onde apresentam imagens deste ouriço-do-mar recolhidas em El Quseir no Mar Vermelho, uma localidade bastante mais a sul de Sharm El Sheikh (aqui pode-se ver imagens http://images.google.com/images?ie=U...1&sa=N&tab=wi).



    A ser de facto um Tripneustes gratilla é mais um animal venenoso inadequado para o aquário de recife onde desenvolveria rotinas destrutivas porque para além de comer algas "carnudas", também poderá "marchar" um ou outro animal séssil que se encontre no caminho e como para passar é preciso espaço, também se "arruma" o que estiver a "estorvar"...
    Pela descrição da espécie, é normalmente encontrada em zonas arenosas onde abundem as algas e assim sendo pergunto se de facto foi o caso com este magnífico e venenoso exemplar que encontraram

    Encontraram muitos

    Este parece não ter detritos agarrados para se camuflar o que deixa bem visível as zonas de aspecto macio e aveludado que na realidade são os pedicellaria venenosos...

    Atenciosamente
    Pedro Nuno


    "I may of course, be egregiously wrong; but I cannot persuade myself that a theory which explains several classes of facts can be wholly wrong"...Tradução: É claro que eu posso estar egregiamente errado; mas não me consigo persuadir de que uma teoria que explica várias classes de factos, possa estar completamente errada"...
    Charles Darwin, a Origem das espécies
    Zanclus canescens, cornutus, Kihikiki ou o zigzags
    REEFS MAGAZINE

Página 12 de 12 PrimeiroPrimeiro ... 289101112

Informações de Tópico

Utilizadores Navegando neste Tópico

Há 1 Membros navegando neste tópico. (0 registrados e 1 visitantes)

Tópicos Similares

  1. IAM - 2007 - Madrid
    Por Julio Macieira no fórum Noticias & Eventos
    Respostas: 24
    Último Post: 02-11-07, 12:39
  2. SIZOO 2007 Barcelona
    Por Julio Macieira no fórum Noticias & Eventos
    Respostas: 22
    Último Post: 26-09-07, 21:42

Tags para este Tópico

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •